(***)  TEXTO PRODUZIDO PELO FORNECEDOR DO SISTEMA SUCROENERGÉTICO
 SEM A INGERÊNCIA DO JORNALISMO DA REVISTA OPINIÕES

Presença de estrangeiros é maciça 


Visitantes da América Latina, África do Sul e da Europa estiveram no estande da TGM em busca de soluções eficientes e oportunidades de negócios 

Durante a Fenasucro, a TGM recebeu visitantes de diversos países com demandas de compras e, principalmente, interessados por informações sobre equipamentos mais eficientes para o fortalecimento de uma matriz energética sustentável em outros continentes. A maioria dos olhos do mundo que planou no estande da TGM é cliente oriundo da Costa Rica, Colômbia, Equador, Peru, África do Sul, Uruguai, Paraguai, Espanha, Argentina, Cuba, México, Honduras, Venezuela, Bolívia, Nicarágua e EUA. 

Em um evento em que cinco grandes setores como agrícola, fornecedores industriais, processos industriais, transporte/logística e energia estiveram reunidos, o interesse mundial foi o motivo de participar, inclusive, das Rodadas Internacionais de Negócios realizadas pelo Arranjo Produtivo Local do Álcool (APLA) em parceria com a Agência Brasileira de Promoção de Exportações e Investimentos (APEX-Brasil). 

Treinamento na TGM x São Martinho – a TGM proporcionou um Treinamento e uma visita na Unidade São Martinho, em Pradópolis, SP, usina que compõe um dos maiores grupos sucroenergéticos do Brasil. O grupo de 20 estrangeiros foi recebido pelo departamento de Comércio Internacional da TGM na fábrica, em uma sala vip, especialmente montada para o treinamento durante a Fenasucro. 

Após ouvirem as apresentações sobre ciclos de manutenção em turbogeradores e Contratos em Longo Prazo para companhias instaladas fora do Brasil, o grupo aproveitou para conhecer as fábricas de Turbinas e Transmissões. Na sequência, os visitantes conferiram de perto duas turbinas TGM em operação na São Martinho (uma CT 50 de 45 MW de potência e uma BT 50 com capacidade de geração de 48 MW). “O objetivo foi mostrar nossa infraestrutura e nossas tecnologias conceituadas. Foi notável a boa impressão quanto ao parque fabril, aos equipamentos em fabricação e a qualidade dos serviços realizados. Todos ficaram impressionados com o tamanho da TGM e que foi consolidado ao ver no campo duas máquinas em plena operação”, descreveu Rui Sérgio Mendes de Oliveira Jr, gestor de projetos internacionais. Participaram do Treinamento representantes de Usinas da Costa Rica, Colômbia, Equador, Peru, Paraguai e Argentina. 

Para Samuel Garcia, gerente do departamento de Comércio Internacional da TGM, tanto as visitas de clientes estrangeiros no estande quanto a participação espontânea de delegações internacionais no treinamento evidenciam que a TGM tem grandes oportunidades de intercambiar tecnologias nacionais com o mesmo potencial e eficiência. “Temos know-how para desenvolver projetos em outros países, atender diversos processos industriais com soluções para acionamentos mecânicos, com equipamentos de maior eficiência e, assim, maximizar os resultados na produção e na geração de energia elétrica para exportação”, disse. 

------------------- 
Sobre a TGM: Sediada em Sertãozinho, SP, a TGM constitui as Unidades de Turbinas, Transmissões e Serviços, possui também outras três empresas sendo em Maceió, AL, em São José dos Campos, SP e em Nürnberg, na Alemanha e está presente em mais de 40 países com mais de 550 clientes atendidos anualmente. Com infraestrutura e tecnologia avançadas, equiparadas às maiores fábricas do mundo, a TGM é considerada a maior empresa da América Latina no segmento de turbinas a vapor, redutores e serviços. Em equipamentos novos são mais de 1.000 turbinas, 1.300 redutores planetários e 550 redutores de eixos paralelos fabricados. Em serviços como revisão, recuperação, modernização e outros mais de 2.800 turbinas, 2.000 redutores planetários e 1.000 redutores de eixos paralelos passaram pela TGM.