(***)  TEXTO PRODUZIDO PELO FORNECEDOR DO SISTEMA SUCROENERGETICO  SEM A INGERÊNCIA DO JORNALISMO DA REVISTA OPINIÕES

Siemens recebe pedido de duas usinas turnkey em Israel

A Siemens recebeu um pedido de Israel pela primeira vez para a construção de duas usinas industriais “turnkey” de ciclo combinado. As duas usinas a gás natural, Alon Tavor e Ramat Gabriel, deverão ser construídas no norte de Israel. Alon Tavor fornecerá eletricidade e vapor de processo a uma fábrica de laticínios, enquanto Ramat Gabriel alimentará uma fábrica de fibras. A concessionária de energia de Israel, RD Energy, é o cliente para as duas usinas. O comissionamento das usinas está previsto para meados de 2018.

A Siemens será responsável pela construção das duas usinas e fornecerá uma turbina a gás industrial SGT-800, uma turbina a vapor industrial SST-300, e também o sistema de controle SPPA-T3000 para cada projeto. Cada uma das usinas industriais terá capacidade elétrica de 70 megawatts e capacidade de extração de vapor de processo. A eletricidade será incorporada na grade de energia israelense. As turbinas serão fabricadas em Finspong, na Suécia e em Brno, na República Checa.

"O mercado de usinas israelense oferece um enorme potencial, e a Siemens tem forte presença no país”, diz Shmuel Fledel, CEO da Siemens em Israel e líder da divisão Power & Gas no País. "Estamos agora fornecendo nossas primeiras usinas completas de ciclo combinado para um produtor de energia independente israelense. Essa é uma boa oportunidade de nos estabelecermos no país como fornecedor de soluções de usina “turnkey” e de serviços. O pedido também contribuirá de forma importante no sentido do crescimento orientado da Siemens para usinas de energia industriais." Cerca de 40 por cento da capacidade de geração de energia de Israel já é baseada na tecnologia da Siemens.

Turbinas a Gás Siemens para Israel:
A turbina a gás SGT-800 da Siemens na oficina do prédio de fabricação de turbinas a gás em Finspong, Suécia.
Este comunicado de imprensa e a foto estão disponíveis em:
www.siemens.com/press/PR2016060299PGEN

Para mais informações sobre a turbina a gás SGT-800 da Siemens, acesse o site:
www.energy.siemens.com/hq/en/fossil-power-generation/gas-turbines/sgt-800.htm

Para mais informações sobre a Divisão de Gás e Energia, acesse o site:
www.siemens.com/about/en/businesses/power-and-gas.htm

--------------
Sobre a Siemens:  A Siemens está presente no Brasil há mais de cem anos e é atualmente o maior conglomerado de engenharia elétrica e eletrônica do país, com suas atividades agrupadas pelas divisões: Power and Gas; Wind Power and Renewables; Power Generation Services; Energy Management; Digital Factory; Mobility; Building Technologies; Healthcare; Process Industrial and Drives.  A empresa é líder no fornecimento de equipamentos médicos para diagnóstico por imagem, como tomógrafos computadorizados e ressonância magnética, bem como diagnóstico laboratorial. As primeiras atividades da empresa no Brasil datam de 1867, com a instalação da linha telegráfica pioneira entre o Rio de Janeiro e o Rio Grande do Sul. Em 1895, no Rio de Janeiro, era aberto o primeiro escritório e, dez anos mais tarde, ocorria a fundação da empresa no país. Ao longo do século passado a Siemens contribuiu ativamente para a construção e modernização da infraestrutura do Brasil. Hoje, os equipamentos e sistemas da Siemens são responsáveis por 50% da energia elétrica gerada no País, 30% dos diagnósticos digitais por imagem realizados no Brasil e estão presentes em 2/3 de todas as plataformas offshore brasileiras projetadas nos últimos 8 anos. No Brasil, o Grupo Siemens conta com 12 fábricas e 7 centros de pesquisa e desenvolvimento espalhados por todo o País.